Jungle King

buscar
Carros

Chevrolet apresentou o primeiro Corvette elétrico

A Chevrolet apresentou o primeiro Corvette elétrico nos Estados Unidos, exatamente 70 anos após a estreia triunfal do modelo em Nova York.
Publicado em Carros dia 27/01/2023 por Alan Corrêa

AChevrolet apresentou o primeiro Corvette elétrico nos Estados Unidos, exatamente 70 anos após a estreia triunfal do modelo em Nova York.

Batizado de E-Ray, o veículo é equipado com tração integral eAWD e possui dois sistemas de propulsão separados: um V8 6.2 aspirado de 502 cv e um motor elétrico complementar de 162 cv.

Juntos, eles produzem 664 cv de potência, tornando o E-Ray o Corvette mais rápido da história, capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em cerca de 2,5 segundos.

Versão E-Ray do superesportivo da Chevrolet traz tração integral eAWD que permite otimizar a performance do veículo em variadas condições climáticas; 0 a 100 km/h é feito em 2,5s

O sistema de tração eAWD é inteligente e se adapta às condições da estrada, e as baterias de 1.9 kWh são recarregadas através da energia gerada em desacelerações e frenagens. O E-Ray é capaz de rodar temporariamente no modo 100% elétrico, com velocidade máxima de 45 mph.

Um aplicativo na tela do veículo traz informações técnicas sobre como o conjunto está operando e otimiza a performance e a aderência do veículo em diferentes condições climáticas e tipos de circuitos, tudo isso com muita sofisticação.

Batizado de E-Ray, o veículo é o único em sua categoria a trazer dois sistemas de propulsão separados formados por um V8 6.2 aspirado de 502 cv e um motor elétrico complementar de 162 cv. Combinados, eles produzem 664 cv de potência.

Durante uma condução mais dinâmica e em ambientes de baixo atrito, por exemplo, o E-Ray aplica potência adicional às rodas dianteiras, ajudando a melhorar a estabilidade do veículo.

Não há necessidade de plugar o veículo em uma tomada para recarregar as baterias de 1.9 kWh, pois elas aproveitam a energia gerada em desacelerações e frenagens.

No caso do E-Ray, as baterias que alimentam o motor elétrico ficam localizadas entre os bancos do motorista e do carona.

Batizado de E-Ray, o veículo é o único em sua categoria a trazer dois sistemas de propulsão separados formados por um V8 6.2 aspirado de 502 cv e um motor elétrico complementar de 162 cv. Combinados, eles produzem 664 cv de potência.

O Corvette E-Ray é capaz de rodar temporariamente no modo 100% elétrico. Uma dessas condições é quando o motorista quer sair com o veículo da garagem de maneira silenciosa para não chamar a atenção da vizinhança. Para isso, a velocidade não pode exceder os 45 mph.

Em relação ao visual, o modelo compartilha a mesmas especificações de carroceria da versão Z06, que é mais larga e próxima ao solo para o melhor desempenho também em autódromos. As rodas do E-Ray, no entanto, são especiais e trazem desenho exclusivo.

Um aplicativo na tela do veículo traz informações técnicas de como está operando o conjunto, que otimiza a performance e a aderência do superesportivo nas mais variadas condições climáticas e tipos de circuitos. Tudo isso com muita sofisticação.

O Corvette E-Ray começa a ser comercializado nos Estados Unidos ainda este ano nas configurações cupê e conversível.

*Com informações da GM.

Jungle King Mapa do site

1234